João Apolinário: prioridades são “os alcatroamentos na freguesia e a revisão do PDM”

João Apolinário é o candidato do PS à Junta de Freguesia de Fazendas de Almeirim. Entrevista publicada no jornal O Almeirinense de 15 de Setembro:

O que o levou a aceitar o convite do PS para ser novamente candidato à Junta de Freguesia de Fazendas de Almeirim?

Foram vários os fatores que me levaram a aceitar a recandidatura, nomeadamente o apoio das pessoas que sempre tive ao longo destes 4 anos, o terminar alguns projetos em curso e a realização de vários projetos novos planeados e importantes para a Freguesia, e, acima de tudo a vontade de fazer mais e melhor.

Que análise faz ao seu trabalho nestes quatro anos?

Penso que foi um trabalho positivo, apesar da terrível crise económica e financeira que o nosso país atravessou e que passaram por este mandato, conseguimos fazer obras de relevância e dentro do possível, demos todo o apoio social solicitado, apoiamos a comunidade escolar, colaboramos em muitos eventos culturais, mantivemos todas as tradições, quer nas festas, nos passeios, nos apoios às associações e nos serviços habituais da Junta, mesmo com falta de pessoal, para proporcionar uma melhor qualidade de vida à nossa população.

Porque foram feitas várias mudanças na lista do PS?

A lista é muito semelhante com a de há 4 anos, no entanto e como é normal, há sempre algumas mudanças. Mas como referi a maioria dos 26 nomes mantêm-se.

Que análise faz aos outros candidatos à junta?

Não faço análises dessas. São candidatos e assim sendo, merecem o meu respeito enquanto tal. Como compreende não me compete a mim comentar as escolhas dos outros partidos.

Que propostas tem o PS para a freguesia e para os próximos quatro anos?

São várias e seria exaustivo, mas a título de exemplo em Fazendas de Almeirim o parque urbano, as obras no Fazendense, a ligação por ciclovia a Almeirim pela estrada do Vale Barrocas e a casa Mortuária. Em Paço dos Negros a requalificação da Escola, o términus da Zona Industrial e construção de passeios. Em Marianos o regresso do médico e a ligação até à ponte da ribeira frente ao Centro de Formação dos Gagos. Obviamente que os alcatroamentos na freguesia e a revisão do PDM continuam a ser importantes. Um novo edifíco mais amplo e funcional para a Junta de Freguesia.

Defende que a junta devia ter mais competências e recursos financeiros?

Acho que isso é algo comum a todas as juntas do País, como aliás acontece também em relação às Câmaras e ao Governo central. No entanto, o caminho faz-se caminhando e estou certo que o processo de descentralização vai continuar.

O que faria com esses recursos financeiros?

A criação imediata de uma boa equipa de trabalho externo para dar uma melhor resposta aos serviços solicitados em toda a Freguesia, que é muito grande e requer muito trabalho. Também na renovação de equipamentos administrativos para permitir dar à nossa população uma melhor e mais moderna qualidade de serviços.

Caso seja novamente eleito Presidente de Junta, qual a primeira decisão?

Continuar a trabalhar em prol da freguesia como um todo. Não há uma decisão, há muitas decisões e essas passam pela implementação daquilo que nos propomos fazer nestes 4 anos.

2017@almeirim2017.com'

Fundador do Almeirim 2013 e Almeirim 2017. Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Responsável de comunicação de uma federação desportiva. Colabora ainda com meios de comunicação ligados à politica nacional, ao ténis e à tauromaquia.

Share this Post[?]
        


Leave a Reply